Governo de Porto Alegre do Norte decreta estado de emergência devido as fortes chuvas que caem no município

Foram monitoradas as chuvas em fevereiro e março, que afetaram as estradas, atrapalhando o escoamento da produção agrícola


Mais uma prefeitura de Mato Grosso decretou estado de emergência por causa das fortes chuvas em 2021. Desta vez, foi a Prefeitura de Porto Alegre do Norte (1.125 km a nordeste de Cuiabá) que pediu ajuda para realizar obras emergenciais por causa dos prejuízos das tempestades.

Foram monitoradas as chuvas em fevereiro e março, que afetaram as estradas, atrapalhando o escoamento da produção agrícola e também o acesso dos moradores da zona rural a serviços básicos como comércio e saúde. A situação foi analisada pela Coordenação Municipal de Proteção e Defesa Civil, Sindicato Rural, Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso (Aprosoja) e a Defesa Civil do Estado.

O próximo passo é o reconhecimento do estado de emergência pelo governo do Estado. Com o decreto é possível justificar os gastos emergenciais e sem licitação para enfrentar os problemas mais graves, que não podem esperar por um processo completo de licitação.Entre as ações que começaram a ser feitas estão a reconstrução de estradas, manutenção de pontes e bueiros, além de assistência às famílias em situação de vulnerabilidade e apoio aos produtores rurais afetados.