Banco do Brasil fechará 361 unidades, sendo 112 agências

Por Correio Braziliense 11/01/2021 - 12:28 hs

O Banco do Brasil anunciou hoje um grande programa de reestruturação para se adaptar às mudanças do mercado. Além do corte de cerca de 5 mil empregados, fechará agências e postos de atendimento ao público.

 

Segundo o fato relevante divulgado ao mercado nesta segunda-feira (11/01), as mudanças serão implementadas ainda neste primeiro semestre de 2021 com o objetivo de obter mais eficiência.

 

Pelo documento assinado por Carlos José da Costa André, vice-presidente de Gestão Financeira e Relações com Investidores do Banco do Brasil, serão desativadas 361 unidades, sendo 112 agências, sete escritórios e 242 postos de atendimento.

 

O programa de reestruturação prevê, ainda, a conversão de 243 agências em postos de atendimento e oito postos de atendimento serão transformados em agências.

 

Mais: 145 unidades de negócios serão convertidas em lojas BB, sem a oferta de guichês de caixa, com maior vocação para assessoria e relacionamento. Haverá, também, relocalização compartilhada de 85 unidades de negócios.

 

O fato relevante destaca que serão criadas 28 unidades de negócios, sendo 14 agências especializadas em agronegócio e 14 em escritórios leve digital, unidades especializadas no atendimento a clientes com maturidade digital. Serão aproveitados espaços existentes, não envolvendo contratação ou locação de novos imóveis.