Mecânico de 34 anos morreu por Covid-19 em apenas cinco dias em MT

Já são 4 mortes por coronavírus em MT; Silvano Rodrigues não tinha nenhuma doença pré-existente

Por Mídia News 14/04/2020 - 15:33 hs

O mecânico Silvano Rodrigues de Oliveira, de 34 anos, morreu por coronavírus (Covid-19) apenas cinco dias após dar entrada no Hospital Regional Jorge de Abreu, em Sinop (500 km de Cuiabá).

Silvano morava em Aripuanã (949 km da Capital) e não tinha nenhuma doença pré-existente, além de não fazer parte do grupo de risco para a doença. Ele foi a 3ª vítima fatal em Mato Grosso pela Covid-19.

De acordo com o boletim médico do paciente, ele deu entrada na unidade de saúde no dia 6 de abril, já com um “quadro de insuficiência respiratória provocada por pneumonia grave, com suspeita de Covid-19, com a necessidade de manter a respiração por aparelhos”.

O documento também informou que em 24h o quadro de saúde de Silvano piorou expressivamente, com risco significante de parada cardíaca e morte.

Ele acabou sendo sedado e seu estado era gravíssimo. Em exames realizados foram constatados os primeiros sinais de comprometimento cerebral associado ao seu quadro de saúde.

“Em um contexto geral, o Sr Silvano está apresentando uma dificuldade extrema em responder ao tratamento, evoluindo com evidências de falência de múltiplos órgãos, o que eleva muito o risco de parada cardíaca a qualquer momento. Todavia, mantemos o paciente sedado e com medicações para alívio de dor e sofrimento”, dizia o boletim divulgado no dia 10 de de abril, um dia antes de o paciente morrer.

No mesmo dia da divulgação do boletim médico, também saiu o resultado do exame de Silvano atestando positivo para coronavírus.

Em Mato Grosso atualmente há 134 casos confirmados da doença e quatro mortes. Um boletim diário da situação no Estado é divulgado diariamente pelo Governo.