Mulher de Nova Xavantina tem 75% do corpo queimado após bronzeamento caseiro

Por NX 26/06/2019 - 08:37 hs

A moradora de Nova Xavantina, Katia Scapini, 38 anos, por recomendação de uma amiga, realizou bronzeamento caseiro usando chá de folhas de figo. Segundo informações da família, Katia bronzeou por volta de uma hora de frente e uma hora de costas no sol. O bronzeamento foi realizado na última quarta-feira, 19/06.

Após o bronze, Katia foi tomar banho e quando começou a se secar, percebeu que seu corpo começara a ficar vermelho com sensação de queimaduras. A mesma preocupada foi até o hospital municipal na quinta-feira, 20/06, onde ficou internada com queimaduras de segundo grau e transferida para Cuiabá no sábado, 28/06.

Em Cuiabá, foi constatado que Katia tem 75% da superfície corporal queimada: rosto, pescoço, tórax, abdômen, parte dos braços e coxas. Ela foi encaminhada para o CTQ – Centro de Tratamento de Queimaduras, onde será submetida a raspagem.

Segundo informações, Kátia está isolada para evitar o risco de infecção e seu estado de saúde é grave. Ela está sendo tratada com antibióticos, analgésicos para dor e soro hidratante. Existe a possibilidade de que a mesma precise ser submetida à uma cirurgia plástica reparadora.

“Gente estou indo pro CTQ não sei quando vou sair... não vou poder falar com ‘vcs’ só peço oração”, pediu Kátia em um post em sua página do facebook.

Acidente é comum

Algumas pessoas ainda cultivam o hábito de utilizar substâncias caseiras para bronzear a pele, sendo relativamente comuns os casos de queimaduras. Segundo o presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), Márcio Rutowitsch, tanto as folhas de figo como as frutas cítricas têm substâncias fotossensíveis, que são liberadas com a exposição à luz solar, provocando as queimaduras. Com apenas 5 minutos de exposição ao sol pode ocorrer a formação de bolhas.