Aumenta a procura de mulheres por aulas de tiro em Cuiabá

Por Thaís Fávaro - Olhar Direto 22/01/2019 - 01:00 hs

O Coronel da Polícia Militar e proprietário do grupo FH Assessoria, Consultoria e Treinamentos Especiais, Marcos Paccola, avalia de forma positiva o novo decreto que facilita a aquisição da posse de arma no Brasil e afirma que o número de mulheres que busca treinamento para defesa pessoal tem aumentado exponencialmente, tanto que a empresa ministra um treinamento especialmente voltado para as elas.

O maior receio entre o publico feminino é que com o novo decreto que facilita a posse de arma de fogo, aumentem os índices de feminicídio. Mato Grosso ocupa o 4º lugar no ranking com 17 casos registrados em 2018, fora os incontáveis casos de violência doméstica. A possibilidade do companheiro ter a posse de uma arma de fogo tem feito muitas mulheres buscarem cursos e treinamentos de tiro para autodefesa. 


“A primeira coisa que as pessoas precisam entender é que diante de um homem mau em posse de uma arma de fogo a única opção que existe é um homem de bem com uma arma de fogo. Esse deveria ser o senso comum de todo cidadão de bem no Brasil. Tem que entender que não existe outra forma de você deixar de impor as vontades alheias de uma pessoa que tem uma arma de fogo, seja para roubar a sua dignidade te estuprando ou para roubar a sua honra e dignidade da sua família com essas ações escrotas que esses marginais tem cometido”, afirma Paccola.


 
O instrutor ressalta que é importante para quem decide ter uma arma de fogo, que busque orientação e faça cursos e treinamentos para que a arma seja usada como aliada na defesa e não um agente complicador. “Costumo sempre terminar meus treinamentos dizendo que para portar uma arma de fogo você tem que saber o porque ela está na sua cintura e para que ela serve. A sua vontade de ficar vivo tem que ser a maior possível e quando você precisar sacar essa arma para se defender, a sua vontade e o pensamento tem que ser soberano no sentido de vencer o combate”, diz.

Para quem tiver interesse em conhecer mais sobre o treinamento, basta ligar para o número (65) 3056-3355