PM prende três por desacato, direção perigosa e por dirigir sobre influência de álcool em Vila Rica

Prisões aconteceram depois de uma briga em um bar localizado na Rua Paraíba, Bairro Inconfidentes.


Uma guarnição da Polícia Militar de Vila Rica realizava rondas pela cidade na madrugada desta segunda-feira, 24 de setembro, quando por volta das 3 horas foi informada de que em um bar localizado na Rua Paraíba, Bairro Inconfidentes, próximo a Praça Afonso Ligori, estaria acontecendo uma briga generalizada.

De acordo com informações da PM, a guarnição policial ao chegar ao local constatou um tumulto generalizado. Ao desembarcarem da viatura os policiais perceberam que um grupo de pessoas envolvidas no conflito estava se encaminhando em direção a guarnição e que foi necessário efetuar disparos com munição antimotim para controlar a situação.

Após o controle da situação, a guarnição começou a notificar os veículos que estavam de forma irregular e também os que estavam fazendo manobras perigosas no local. Ainda de acordo com a Polícia Militar, enquanto os policiais realizavam as notificações um motociclista se dirigiu em alta velocidade em direção a guarnição policial e realizando direção perigosa. Momento em que foi dada ordem de parada ao condutor identificado como Bruno Alves Santos que não obedeceu a ordem policial e jogou o veículo na direção de um dos policiais. Diante da atitude agressiva foi necessário efetuar um disparo de munição antimotim atingindo o motociclista que caiu ao solo, sendo realizada a detenção do infrator em seguida.

Segundo a Polícia Militar, Bruno Alves estava visivelmente embriagado com o olhos vermelhos e sorridente. Ele foi levado para o Hospital Municipal para receber atendimento médico, sua motocicleta foi encaminhada para a CIRETRAM do município devido o condutor ter cometido direção perigosa e por ter atentado contra a guarnição policial.

Já na sede do 23º Batalhão da Polícia Militar, onde foi registrado o Boletim de Ocorrência, pouco tempo depois da prisão de Bruno chegou no 23º BPM dois homens em um veículo Volkswagen Golf, de cor preta. Ao ser questionado por um dos policiais sobre oque eles queriam, o condutor identificado como Tiago Antônio Camillo Oliveira desembarcou do seu veículo e desacatou o policial dizendo: ''seus policialzinhos de merda, porque estão prendendo meu amigo?''.

Ainda de acordo com a PM, no momento do desacato ao policial militar, Tiago Camillo estava portando na sua mão direita um canivete, marca Ferreira e também foi constatado que o infrator estava embriagado. Foi dada voz de prisão ao suspeito Tiago e o mesmo foi desarmado e algemado, haja vista que o mesmo tentou reagir.

No momento da prisão de Tiago Camillo, um homem que o acompanhava, identificado como Rafael Oliveira Coelho tentou obstruir a prisão de Tiago. Diante do fato Rafael também foi preso. Os três envolvidos na ocorrência foram encaminhados à Delegacia de Polícia Judiciária Civil para as providências cabíveis. O veículo Golf foi apreendido devido seu condutor estar embriagado.