Polícia Civil prende mulher que matou Larissa em Aragarças por causa de desavença do passado

Por Araguaia Notícia 18/09/2018 - 02:41 hs

A equipe do delegado Ricardo Galvão prendeu, na manhã de segunda-feira (17/9), ao cumprir mandado de prisão temporária, a suspeita Danielle Carvalho de Araújo, 25 anos, acusada de ter assassinato a jovem Larissa Ramos Moura, 21 anos. A suspeita agiu na companhia das menores B.T.E, 14 anos e M.C.P.S.R, 16 anos.  

O crime aconteceu na noite do dia 13/07, por volta das 20 horas, segundo apurou a Polícia Civil. A investigada juntamente com as menores foram à residência de Larissa e após um bate-boca Danielle teria atirado contra Larissa. Um dos motivos do crime seria uma desavença do passado entre vítima e acusada.

Ricardo Galvão informou que a investigada não mediu limites na ação criminosa, matando a vítima na frente de duas crianças. Segundo testemunhas, um dos filhos da vítima, de apenas 4 anos, correu para os vizinhos gritando e lamentando a morte da mãe.
 
Após o cumprimento da prisão, a investigada foi conduzida à Unidade Prisional de Aragarças, e responderá pelo crime de homicídio qualificado, acrescentou Galvão.