PJC e Garra desarticulam quadrilha que agia com tráfico de drogas em Confresa

PJC e Garra desarticulam quadrilha que agia com tráfico de drogas em Confresa

Por Gazetadigital 03/08/2018 - 17:10 hs

PJC e Garra desarticulam quadrilha que agia com tráfico de drogas em Confresa
Suspeitos presos na ação

Dois irmãos que atuavam fortemente no comércio de drogas em Confresa (1.160 km a nordeste de Cuiabá) foram presos pela Polícia Civil com ajuda do Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra). Segundo a polícia, Jhon Oliveira Guerra, 23, e Jhonaton da Silva Guerra, 24, acreditavam estar “imunes” a qualquer ação policial, com isso foi deflagrada a Operação Intocáveis, nesta quinta-feira (2).

Ao todo foram cumpridos 3 mandados de busca e apreensão, 3 prisões e uma condução coercitiva, além de prisões de usuários de drogas. Várias porções de drogas (maconha e crack) também foram apreendidas junto a 94 munições, 2 balança de precisão, mais de R$ 10 mil em dinheiro, aparelhos de celular, 1 revólver, 3 facas, uma motocicleta, notebook e outros objetos.

Os irmãos Jhon e Jhonaton juntamente com Cristiano das Neves Souza Lima, 20, foram autuados por tráfico e associação para o tráfico de drogas agravado pelo uso de arma de fogo e corrupção de menores e receptação.

Uma mulher, K.F.R, 23 anos, respondeu termo circunstanciado de ocorrência (TCO), por uso de drogas, e foi liberada. Os três homens serão encaminhados a Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte.

Nos fundos de uma das residências, os policiais apreenderam enterrados, além de drogas, um revólver calibre revólver calibre 38, juntamente com 44 munições calibre 38 e 50 de calibre 22, 2 balanças de precisão, R$ 669, 00. Todo o material estava embalado em saco plástico e enterrado embaixo de um tronco de madeira.Segundo a investigação, os suspeitos usavam três imóveis para venda de drogas e gerenciar os valores do comércio de entorpecentes. Para dificultar a ação da Polícia, eles enterravam a droga no quintal, para caso houvesse interferência policial não fosse apreendida a mercadoria.

“Nos locais foram apreendidos também vários objetos que estamos averiguando serem produtos de roubos e furtos”, disse o delegado. (Com informações da assessoria)