Jovem aceita carona e é dopada e estuprada em Distrito de Confresa

O suspeito fez com que ela ingerisse entorpecentes e após deixa-la desacordada consumou o ato de estupro

Por Olhar Alerta 26/06/2018 - 20:39 hs

No domingo (24), uma jovem saiu de sua residência após discutir com seu pai, em Veranópolis, distrito há cerca de 30 km de Confresa. Ela saiu em direção a um posto de combustível onde encontrou um conhecido que lhe ofereceu carona para retornar à sua casa.

De acordo com informações repassadas ao site Olhar Alerta, a jovem de 16 anos ficou no auto posto por cerca de 1 hora, quando por volta das 20h, foi abordada pelo suspeito, e disse que queria voltar para sua residência. O homem então, ofereceu-lhe uma carona que prontamente foi aceita pela vítima. Quando ela entrou no carro, suas mãos foram amarradas por ele, e durante o percurso, o homem ameaçou a adolescente com um facão e a levou para um matagal, amarrou-a a uma árvore, e fez com que a garota ingerisse entorpecentes, e, após dopá-la e deixa-la desacordada, consumou o ato de estupro.

Quando a menina acordou, viu que o estuprador usava a mesma substância que fez ela consumir. A garota vestiu suas roupas e ele mandou que ela fosse embora, porém, desistiu ao ver que tentou correr. O estuprador conseguiu alcança-la e a obrigou a ingerir novamente as drogas. O suspeito ainda tentou asfixiá-la com as mãos, mas não teve sucesso.

A garota conseguiu se desvencilhar do criminoso já por volta das 4 da manhã quando retomou a consciência. O homem disse que mataria a vítima e toda a sua família se alguém soubesse do ocorrido. Ela voltou para casa caminhando pelas margens da BR-158, enquanto ele tomou rumo ignorado. O caso seguiu para a Delegacia de Polícia Judiciária Civil da cidade para investigações.