Confresa: PF e IBAMA realizam operação em aldeia e apreendem madeira extraída ilegalmente

A Polícia Federal ainda procura o principal suspeito de cometer os crime

Por Mídia News 14/05/2018 - 10:43 hs

O IBAMA e a Polícia Federal realizaram, nesta terça-feira, (08), operação visando combater crimes ambientais no interior da terra indígena Urubu Branco, em Confresa. A ação foi em decorrência investigação criminal de extração ilegal de madeira e foi realizado o cumprimento de mandado de prisão expedido pela Justiça Federal, para um morador de Confresa, considerado um dos líderes da invasão.


A equipe constatou dezenas de árvores cortadas, com madeira em lascas e em mourões prontos para o transporte. A área já se encontra com divisões em lotes e com bovinos. Três barracos e acampamentos de lonas foram destruídos.

Em nova etapa a se realizar, serão doados a madeira ilegal e todo gado constatado na área, sendo este último destinado ao abate compulsório. Os infratores responderão criminalmente e administrativamente pelo comércio de madeira e pela destruição de 890ha de floresta federal. Outros 1970ha desmatados em anos anteriores estão sob investigação.

A Polícia Federal ainda procura o principal suspeito de cometer os crimes.